terça-feira, 4 de setembro de 2018

PROJETO ZEE-RS EM PROCESSO DE CONSOLIDAÇÃO DA ETAPA DE PROGNÓSTICO



No dia 21/08, realizou-se a 25ª reunião ordinária da Câmara Técnica de Planejamento Ambiental – CTPlamb/Consema. Nela foram apresentados os resultados do Produto 35 (Mapeamento do Potencial Ambiental), do Produto 36 (Mapeamento do Potencial Socioeconômico) e do Produto 37 (Mapas georreferenciados e relatórios identificando potencialidades econômicas e os potenciais conflitos com as fragilidades do ambiente natural). Estes produtos compõem a etapa de prognóstico e descrevem a estrutura da organização espacial onde o ZEE será concebido, organizado e representado como uma ferramenta de suporte ao ordenamento territorial e sua subsequente gestão.
Os resultados da reunião foram positivos e os participantes puderam visualizar os benefícios que o projeto ZEE será capaz de gerar quando da sua conclusão.  

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

SEMA DISPONIBILIZA NOVA BASE CARTOGRÁFICA DO RIO GRANDE DO SUL DESENVOLVIDA PARA O ZEE/RS


No dia 17/08, a Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável divulgou a Base Cartográfica do Estado do Rio Grande do Sul, escala 1:25.000 – BCRS25, para o quadro de seus servidores (Sema/Fepam/FZB).
        
        A BCRS25 é um conjunto de dados geoespaciais de referência, que contempla as componentes planimétricas, estruturados em uma base digital, capaz de fornecer visão integrada do território do Estado do Rio Grande do Sul. Foi construída para atender primordialmente o projeto de Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) do Estado, mas tem potencial relevante para o desenvolvimento de projetos de órgãos estaduais e municipais. 

        O conjunto de dados geoespaciais foi elaborado ao longo de quatro anos a partir de imagens de satélite de alta resolução espacial e poderá ser utilizado para diversas ações por parte do Poder Público e da sociedade em geral.
        
        A BCRS25 por ter sido construída a partir de imagens de satélite do ano de 2013 (em sua maioria) apresenta informações atualizadas da paisagem, compatíveis com sua escala, e permitirá uma melhoria dos sistemas de controle de uso dos recursos hídricos, nas ações de planejamento do sistema rodoviário e nas análises dos processos de licenciamento ambiental.
        Elaborada com recursos do programa Pró-Redes do Banco Mundial, a base cartográfica está disponível nos sites da SEMA e da FEPAM

segunda-feira, 28 de maio de 2018

ZONEAMENTO ECOLÓGICO ECONÔMICO É MONITORADO COMO PROJETO PRIORITÁRIO DO ACORDO DE RESULTADOS 2018.


Foto: Gustavo Rech

O Zoneamento Ecológico Econômico foi uma das pautas da reunião do Eixo da Infraestrutura do Acordo de Resultados 2018 realizada no dia 24/05/2018. O Acordo é a principal ferramenta do governo do Estado para monitorar o trabalho de todos os órgãos da administração direta e indireta e faz o monitoramento dos projetos prioritários e indicadores do Eixo Infraestrutura e Ambiente, composto pelas secretarias de Obras Públicas, Saneamento e Habitação (SOSH) e a Corsan; do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Sema) e a Fepam; de Minas e Energia (SME), Ceee, Sulgás e CRM; e dos Transportes (ST), Daer, EGR e SUPRG. O acordo busca qualificar a prestação dos serviços, garantindo eficiência na gestão das contas públicas e transparência na utilização dos recursos.
Na oportunidade, foi apresentado pela Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável o status atual do Projeto, que está encerrando sua fase de diagnóstico e iniciando a de prognóstico, esclarecendo-se as formas de participação das demais Secretarias e Órgãos, bem como o papel da Comissão Estadual do Zoneamento Ecológico-Econômico.

quinta-feira, 24 de maio de 2018

COMISSÃO ESTADUAL DO ZONEAMENTO ECOLÓGICO-ECONÔMICO REALIZA NOVA REUNIÃO


A contextualização do Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE-RS), histórico e situação atual, além da atualização do arranjo institucional e a implementação legal do Zoneamento foi apresentada na 5ª reunião da Comissão Estadual do Zoneamento Ecológico-Econômico (CEZEE), realizada na sala de Governança da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG) na última sexta-feira, 11. 
Além de acompanhar o desenvolvimento do ZEE-RS, a CEZEE tem como principal atividade debater e viabilizar o processo de implementação legal do ZEE-RS como instrumento oficial de planejamento do Estado.
Na reunião, coordenada pela secretária do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Ana Pellini, foi destacada a importância do ZEE como ferramenta de planejamento e ordenamento territorial, considerando que a partir dele, as demais secretarias de Estado poderão realizar seus planejamentos, planos de ações, mapeamento das potencialidades e proposição de políticas públicas.
Também foi avaliada a possibilidade de uso do ZEE como ponto de partida para elaboração dos próximos Planos Plurianuais (PPA), sendo esta uma das tratativas iniciais com vistas a implementação da plataforma de informações que será disponibilizada pelo Projeto ZEE-RS.
Além de técnicos da Sema, participaram da reunião representantes da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão; da Secretaria de Minas e Energia; da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia; da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação; da Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo; da Secretaria dos Transportes; da Secretaria de Obras, Saneamento e Habitação; da Metroplan; Casa Civil e do Consórcio Códex Remote/Acquaplan/Gitec.

ORGANIZAÇÕES COM POTENCIAL DE ARTICULAÇÃO COM O ZEE FORAM IDENTIFICADAS



Foi realizada na última terça-feira, a 24ª reunião da Câmara Técnica de Planejamento Ambiental do Consema, que teve como pauta a apresentação dos resultados do Produto 31, um relatório que identifica as principais organizações civis com potencial de articulação com o ZEE. Nele as principais lideranças e instituições da sociedade civil foram relacionadas e elencadas por área de estudo e vinculação com os objetivos do ZEE-RS. Esta atividade integra a etapa de diagnóstico de desenvolvimento do Projeto Zoneamento Ecológico Econômico/ZEE-RS.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

PROJETO ZEE-RS É APRESENTADO AOS ALUNOS DO INSTITUTO FEDERAL



      No dia 09/04/2018 em Porto Alegre/RS, a Secretária Adjunta da SEMA Maria Patrícia Mollmann apresentou o Zoneamento Ecológico Econômico a um grupo de 60 estudantes do curso de Gestão Ambiental do Instituto Federal do Rio Grande do Sul. 
                Professores e alunos atentos as potencialidades da nova ferramenta, que será disponibilizada no final de 2018, efetuaram diversos questionamentos sobre a estrutura, modelagem e implementação do Projeto ZEE-RS, o que estabeleceu uma interação positiva e produtiva com os participantes.

sexta-feira, 13 de abril de 2018

TÉCNICOS DO ZEE/RS VISITAM A COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO - CETESB



No dia 26/03/2018 a Coordenação do ZEE-RS, representada pelo Assessor Técnico do projeto Hilberto Carlos Schaurich, juntamente com Luciana Rocha, Consultora de Tecnologia da Informação (TI), que deverá acompanhar e avaliar tecnicamente o desenvolvimento do Banco de Dados e da Ferramenta de TI do ZEE-RS, realizaram visita técnica à Secretaria do Meio Ambiente (SMA) do Estado de São Paulo/SP, com o propósito de conhecer o trabalho desenvolvido na construção do banco de dados georreferenciado que dá suporte ao ZEE daquele estado.
A visita técnica foi muito produtiva, pois os anfitriões compartilharam com os técnicos gaúchos muitas das suas experiências na construção de uma base de dados ambientais inteligente, capaz de armazenar e disponibilizar informações consolidadas aos diversos segmentos de usuários do ZEE.

quarta-feira, 4 de abril de 2018

ESTRUTURAÇÃO DOS PRODUTOS 34 E 35 DO ZEE É AVALIADA PELO CONSEMA



Na terça-feira, 20/03/2018, foi realizada a 23ª reunião ordinária da Câmara Técnica Permanente de Planejamento Ambiental (CONSEMA), que teve como pauta o alinhamento técnico prévio para o desenvolvimento do Produto 34 do ZEE (Mapeamentos das Unidades de Planejamento: Consolidação da metodologia de concepção das unidades de planejamento em nível operacional; Síntese dos resultados das unidades de planejamento em nível operacional;) e também do Produto 35 (Mapeamento do Potencial Ambiental: Metodologia de avaliação do potencial ambiental, com atividade de construção colaborativa e um de seus componentes). Ambos os produtos apresentados fazem parte da etapa de Prognóstico do ZEE e compõem a 5ª fase de elaboração do Projeto.

quarta-feira, 14 de março de 2018

RESULTADOS DAS 26 OFICINAS PARTICIPATIVAS DAS ATIVIDADES DO PRÉ-DIAGNÓSTICO E DO DIAGNÓSTICO SÃO APRESENTADOS AO CONSEMA


No último dia 27/02/2018, no auditório da Sema ocorreu a 22º reunião da Câmara Técnica de Planejamento Ambiental/Consema, quando foi apresentado o Produto 33 do ZEE-RS – Resultados das 26 Oficinas Participativas das Atividades do Pré-Diagnóstico e do Diagnóstico.
A apresentação foi realizada pela consultora Juliana Pugliese Christmann, do Consórcio Códex/Acquaplan/Gitec Brasil, que abordou a metodologia utilizada para obtenção dos resultados das oficinas, mediante a participação da sociedade que foi organizada em três categorias, Sociedade Civil Organizada, Setores Produtivos e Poder Público.
O debate foi pleno e as discussões relevantes e os participantes consolidaram os resultados obtidos nesta etapa do projeto.


quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

ZEE É APRESENTADO A TÉCNICOS DA PROVÍNCIA ARGENTINA DE SANTA FÉ



Representantes da Província de Santa Fé, na Argentina visitaram a SEMA recentemente e no último dia 22 de fevereiro assistiram palestra sobre o desenvolvimento e estruturação do ZEE-RS, bem como sua importância como suporte para o desenvolvimento sustentável.
A palestra ministrada por Marlos Batista, representante legal do Consórcio Códex/Acquaplan/Gitec Brasil, Marlos Batista, contou com a presença do Ministro de Meio Ambiente da Província Jacinto Speranza, pelo Subsecretário de Gestão Ambiental Edgardo Seguro e pelo Subdiretor Provincial de Eficiência Ambiental Claudio Colombo.
A troca de experiências e o compartilhamento de experiências consolidam o ZEE como ferramenta de planejamento econômico sustentável.